Sem sombra de dúvidas, o maior buscador de pesquisas online do mundo é o Google. Todo mundo tem uma pergunta que nunca teve coragem de fazer a ninguém, ou simplesmente não conseguiu informações em outros lugares ou com outras pessoas, etc. De fato, elas são das mais variadas espécies e origens. Algumas podem ser de cunho duvidoso, outras um tanto quanto absurdas..

É importante lembrarmos que não temos o intuito de criticar, julgar, muito menos impor verdades absolutas. Nosso objetivo é único e exclusivo de informar e entreter. Por isso, o conteúdo dessa matéria se destina a aqueles que se interessarem e/ou identificarem.

Pensando em como a criatividade humana não tem limites, a redação da Fatos Desconhecidos selecionou essa listinha com as 20 perguntas mais bizarras feitas no Google, do mundo todo. Confira:

1 – Se você está fazendo essa pergunta, a probabilidade é grande.

01

Mas antes, você sabe como engravidar?

2 – Na próxima, o resultado será melhor se a pergunta for feita no GPS.

02

Ou você pode tentar o mesmo caminho pelo qual foi.

3 – Quem sabe a verdade?

03

Talvez eles já estejam entre nós!

4 – Se fosse verdade, viveríamos em um mundo de flatos.

04

Mas que seria maravilhoso, isso é verdade.

5 – Porque o Google agora é vidente.

05

6 – Pelo menos essa é uma pergunta lógica, ou não?

06

7 – E eles tem?

07

8 – A maior dúvida da humanidade.

08

9 – Também existe as perguntas que acabam com a infância.

09

10 – Será que foi pensando naquela costelinha no bafo?

10

11 – Um espelho pode responder melhor que o Google.

11

12 – Ou será que é quadrada?

12

13 – Será que você é um psicopata? 

13

14 – Comece conferindo gasolina, bateria, água…

14

15 – É nessas horas que as aulas de biologia fazem a diferença.

15

16 – Seria, no mínimo, interessante se tivessem.

16

17 – Poderia até ser uma pergunta bizarra, mas com o avanço da tecnologia, muita coisa está mudando.

17

18 – Não será virar um vampiro.

18

19 – Se ele/a quiser, por quê não?!

19

20 – Ainda bem que você não é o único a fazer essa pergunta.