Na última terça-feira (29), a professora Geisiane Oliveira levou seus 16 alunos do segundo ano do ensino fundamental para um passeio no shopping Itaboraí Plazza, em Itaboraí (RJ), no sul fluminense.

Geisiane contou que ela levou os 36 alunos, do 4º e 5º ano, para assistir ao filme Aladdin em um shopping center. Na hora do lanche, todos sentaram para comer hambúrgueres e batatas fritas, até que ela foi abordada pela funcionária da lanchonete, que informou que uma pessoa deixou 38 sorvetes pagos para as crianças. “Na mesma hora, meus olhos marejaram, abracei a moça e falei:
‘por favor, me diz quem é?’ Ela disse que ele, o doador, pediu para não ser identificado”, contou.

Quando foi contar a uma amiga o que aconteceu, ela a encontrou abraçada com um rapaz, identificado como Gabriel, agradecendo o ato. “Ele já tinha conversado com a Fabricia antes, disse que venceu, e hoje era uma pessoa do bem graças a uma professora que ele teve, pois uma professora fez com ele o que nós estávamos fazendo hoje com os nossos alunos”, disse.

Repercussão

O relato já conta com mais de 50 mil curtidas, 18 mil compartilhamentos e mais de 5 mil comentários. A professora aproveitou para agradecer, mais uma vez, o gesto do homem. “O mundo tem jeito, ainda tem pessoas que semeiam o bem. Ainda tem professoras que acreditam na transformação através do afeto, do amor, através da educação! Ao Gabriel, que alegrou tanto o dia de nossas crianças e renovou nossa fé e esperança, o nosso muito obrigada!”

Os usuários também parabenizaram a atitude do homem. “Por este fato continuo acreditando no ser humano e num mundo melhor”, disse Arsenio Fetter. “Pequenas ações transformam o mundo, todos nós podemos fazer um mundo melhor”, comentou Catia Silva.